CIDADES ▸ EXEMPLO

Aluna do MT Enem é destaque entre as principais notas de Redação 2017

Estudo, dedicação e foco no conteúdo, foram os parceiros de Stefanny Turequi Silva, aluna MT Enem 2017, para alcançar 940 pontos na redação do Exame Nacional do Ensimo Médio (Enem). A caloura do curso de Zootecnia e outros sete aprovados na Universidade Federal de Mato Grosso, foram recebidos pelo governador Pedro Taques em seu gabinete na manhã desta segunda-feira (19.02). “O grande resultado das oportunidades são justamente essas conquistas de cada um. O empenho, o estudo e a dedicação é de vocês”, elogiou o Governador.

Lançado no início de julho, pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secitec), o MT Enem 2017, que atendeu 3 mil alunos nas modalidades presencial e on-Line, já aprovou mais de 120 candidatos em universidades públicas. Para o secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação, Domingos Sávio Parreira, as aprovações ainda aumentam com o fechamento do ProUni. “A expectativa é que, com o fechamento das vagas totais de universidades púbicas e privadas tenhamos cerca de 30% de aprovados. Nas próximas semanas, com o resultado do ProUni, devem ser mais 300 aprovados. Esse é o colher de frutos do MT Enem, inserir nossos alunos nas melhores vagas por todo país.”

O secretário anunciou ainda que, em 2018, o projeto deve partir para a segunda edição. “Ainda no primeiro semestre devemos iniciar as atividades para que essa oportunidade continue de portas abertas a todos alunos que, como esses aqui hoje, queiram aproveitar, estudar e chegar a uma universidade”, destacou Domingos.

Para Stefanny Turequi Silva, 17 anos, o preparatório fortaleceu a base para a boa nota na redação. “O MTEnem apresentou toda técnica essencial para um boa redação. Redação não é só o tema, é saber montar uma estrutura e a prática. Essa base foi a melhor coisa”, destacou Steffanny. Segundo o coordenador do MT Enem Sérgio Cintra, essa nota está entre as melhores do Exame Nacional. Notas entre as 50 mil melhores, de um universo de 4,5 milhões de candidatos, como é o caso da Stefanny, são surpreendentes sempre. O Governo do Estado está de parabéns”, afirmou Cintra.

O aluno Ray Richard Artiaga, primeiro colocado nos dois simulados realizados em 2017 e aprovado em Ciência da Informação na UFMT, destacou a ajuda que a apresentação do material de todo curso fez. “A contextualização dos conceitos de física, química e matemática é que fizeram a diferença. É justamente esse ponto que o Enem questiona, e com o curso, o material, eu me senti preparado para poder fazer as provas. Essa orientação de conteúdo foi primordial”, destacou o calouro da UFMT.

Durante os quatro meses de aulas, os três mil alunos tiveram dois simulados nos mesmos moldes das provas para ambientar os alunos tanto na logística, quanto na realização das provas. As aulas aconteceram em três principas regiões - Centro, Grande CPA, Coxipó e Cristo Rei (VG), além da versão online - que atendeu os estudantes do interior.

Comentários