ECONOMIA ▸ BAIXA

Juro do cartão de crédito cai e o do cheque especial sobe em janeiro, diz Banco Central

Os juros cobrados pelas instituições financeiras no cheque especial registraram pequeno aumento em janeiro, informou o Banco Central nesta terça-feira (27). A taxa média dessa modalidade ficou em 324,7% ao ano no mês passado, 1,7 ponto percentual acima do verificado em dezembro do ano passado (323% ao ano).

Já os juros médios das operações com cartão de crédito caíram e ficaram em 327,9% ao ano em janeiro. Em dezembro, estavam em 334,6% ao ano.

No ano passado, o Banco Central anunciou novas regras para o cartão de crédito. Desde então, o consumidor só pode fazer o pagamento mínimo de 15% do cartão por um mês. Na fatura seguinte, o banco não pode mais rodar a dívida: o cliente paga o valor total ou precisa parcelar a dívida em outra linha de crédito, com o juro mais barato.

Desde então, a taxa de juros do cartão, que estava em cerca de 500% ao ano no fechamento de 2016, vem caindo. Entretanto, ainda permanece acima dos 300% ao ano, uma das mais altas do mercado.

Comentários