CIDADES ▸ INSCRIÇÃO

Seduc abre inscrições para seleção de alfabetizadores e coordenadores locais

A Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer (Seduc) abriu inscrições para seleção de alfabetizadores e coordenadores locais nos municípios que participam do projeto Muxirum da Alfabetização. As inscrições vão até o próximo dia 26 de fevereiro.

O edital, com as normas relativas a seleção, foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE), que circulou nesta segunda-feira (19.02).

Conforme o edital, o processo contará com duas etapas. A primeira será a indicação de candidatos a coordenador local e inscrição de candidato a alfabetizador, com análise de documentos. A segunda etapa consiste em uma entrevista orientada. A formação das turmas será realizada até o dia 23 de março de 2018.

Segundo o DOE, a bolsa mensal para o alfabetizador será no valor de R$ 500,00, com seis meses de duração. Já a bolsa para coordenador terá um prazo de oito meses, mas será condicionada ao número de turmas que o município conseguir fechar.

A jornada de trabalho do alfabetizador será de duas horas e meia, contabilizando um total de 270 horas, em no máximo 108 dias, podendo ser distribuída nos três turnos. Enquanto a jornada de trabalho do coordenador local será de no mínimo 20 horas semanais.

O edital ainda estabeleceu o quadro de vagas para alfabetizador do projeto, para cada município com um cadastro de reserva.

Poderão se inscrever como alfabetizadores, pessoas que tenham trabalhado no projeto piloto ou primeira etapa do Muxirum, trabalhado no Programa Brasil Alfabetizado (PBA), ter experiência em alfabetização de jovens e adultos, curso de pedagogia, outra licenciatura ou magistério.

As indicações dos coordenadores ocorrerão no período de 19 de fevereiro a 23 de fevereiro de 2018. As inscrições dos alfabetizadores ocorrerão até o dia 26 de fevereiro.

Muxirum

Mais de 9 mil pessoas deverão ser retiradas da escuridão do analfabetismo em Mato Grosso somente em 2018, por meio do Muxirum da Alfabetização. Em 2018, o Muxirum também contará com turmas em Alto Paraguai, Denise, Diamantino, Juara, Nortelândia, Nova Mutum, Peixoto de Azevedo, Santo Afonso, Sinop e Sorriso.

Somente no último ano, o projeto alfabetizou 4.679 jovens e adultos, em 20 municípios mato-grossenses. A iniciativa atendeu 486 turmas, em sua maioria pessoas na faixa etária acima de 50 anos, principalmente em áreas rurais. 

Comentários