POLÍTICA ▸ SUPLEMENTAR

DEM oficializa pré-candidatura de Júlio Campos para o senado

A Executiva Regional do Democratas aprovou, nesta segunda-feira (17), a pré-candidatura do ex-governador Júlio Campos a eleição suplementar para o cargo de senador.

Nos últimos meses, Júlio estava articulando nos bastidores a construção de uma possível candidatura. Na semana passada, ele conseguiu a declaração do presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM), a favor de seu projeto político.

Em janeiro, o Democratas definiu um calendário para que os correligionários pudessem expressar a intenção de concorrer ao pleito suplementar, no entanto, somente Júlio manifestou desejo.

Outro que também vinha construindo candidatura para a vaga é o deputado estadual e líder do governo na Assembleia, Dilmar Dal Bosco, mas, em entrevista a imprensa na semana passada, declarou que poderia recuar da ideia para evitar uma disputa interna no DEM. Leia mais

 

A partir de agora, o ex-governador poderá começar a discutir a construção de alianças com outros partidos. Até o momento apenas Júlio e o vice-governador, Otaviano Pivetta (PDT), tiveram suas pré-candidaturas oficializadas. 


Veja mais: PDT se antecipa e oficializa Pivetta como pré-candidato ao Senado

 

Apesar de aprovar a pré-candidatura de Júlio Campos, o posicionamento da sigla sobre a eleição ao Senado só será definido no dia da convenção partidária que será realizada no próximo dia 11 de março.

A eleição suplementar está agendada para o dia 26 de abril, após o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ter mantido decisão que cassou o mandato da senadora Selma Arruda (Podemos) por caixa dois e abuso de poder econômico.

Veja a nota da executiva regional do DEM na íntegra:

Nota

Eleição Suplementar

Em reunião na manhã desta segunda-feira (17), O Democratas de Mato Grosso decidiu aprovar a pré-candidatura do ex-governador, Júlio Campos ao Senado Federal. Sendo assim, a partir desta data, Júlio Campos conta com o apoio do partido para trabalhar a sua pré-candidatura a este importante pleito.

Como divulgado anteriormente, no próximo dia 11 de março está marcada a convenção do Democratas para homologar a posição do partido na eleição suplementar.

Executiva Regional do Democratas

Comentários