NACIONAL ▸ PESSOAL

Fernando Haddad cancela visita da Caravana de Lula Livre em Mato Grosso

O ex-candidato à presidência da República, Fernando Haddad (PT), desmarcou a visita ao Estado de Mato Grosso na Caravana Lula Livre, agendada para esta próxima quinta-feira (22). A presença foi cancelada nesta terça-feira (20), pelo vice-presidente da sigla e coordenador das caravanas, Márcio Macêdo, por meio de uma nota à imprensa.

“Lamento informar que a Caravana Lula Livre, com Fernando Haddad, no Centro-Oeste, que engloba Mato Grosso e Mato Grosso do Sul foi adiada”, diz trecho da nota. E completa dizendo que é o adiamento se deve a "compromissos profissionais emergenciais de Haddad nas suas atividades como professor”. 

A caravana passaria por Mato Grosso a pedido de Fernando Haddad, que visitaria comunidades quilombolas, como Mata Cavalo, em Nossa Senhora do Livramento. Ele também daria aula pública na Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) EM Cuiabá. 

O cancelamento ocorre um dia após a deflagração da Operação Fake Delivery pela Polícia Civil que investiga indícios de fraudes na Secretaria de Estado de Educação (Seduc), durante a gestão de Rosa Neide, atual deputada federal pela sigla. E em alguns grupos de WhastApp, em particular, de jornalistas, chegou-se a levantar que a operação teria sido orquestrada por conta da passagem de Haddad por Mato Grosso, como uma forma de até causar um constrangimento. Mas, obviamente, na nota oficial, este tipo de informação não foi, nem de longe, questionada.

Confira nota na íntegra:

“Lamento informar que a caravana Lula Livre com Fernando Haddad no Centro-Oeste, MT e MS será adiada devido a compromissos profissionais emergenciais de Haddad nas suas atividades como professor. Tão logo possível definiremos uma nova data".  

Márcio Macêdo 

Vice-Presidente Nacional do PT

Coordenador das caravanas  

Comentários