POLÍCIA ▸ CÂMERA

Gerente de motel é preso por gravar cenas de sexo de casais em Cuiabá

O gerente de um motel, que tem 34 anos, foi preso pela Polícia Civil após um cliente encontrar uma microcâmera que seria usada para gravar os momentos íntimos dos casais do estabelcimento na rodovia Agrícola Paes de Barros na entrada da Cohab São Gonçalo, em Cuiabá, nessa quinta-feira (26). Um cliente de 45 anos encontrou uma câmera escondida ao mexer no ar-condicionado do quarto do estabelecimento.

De acordo com o cliente, o aparelho tinha um cartão de memória com a gravação dos atos sexuais de diversos clientes anteriores. Também foram encontrados algumas gravações dele no ato sexual com a mulher que o acompanhava.

Após ver as gravações, ele constatou que o dono da câmera saía pela porta de acesso dos funcionários depois de colocar o aparelho em cima do ar-condicionado. A denúncia foi realizada na Polícia Civil.

Em seguida a Gerência de Operações Especiais (GOE) foi até o motel para tentar identificar o suspeito. Foram apreendidos três computadores. Ele foi encaminhado para a Central de Flagrantes de Cuiabá.

O gerente responderá por crime de registro não permitido de intimidade sexual, conforme estabelecido no Artigo 216-B: produzir, fotografar, filmar ou registrar, por qualquer meio, conteúdo com cena de nudez ou ato sexual ou libidinoso de caráter íntimo e privado sem autorização dos participantes: Pena – detenção, de 6 meses a 1 ano, e multa.

VÍDEO

Em redes sociais, o homem que descobre supostamente a câmera escondida faz um desabafo nas redes sociais. Ele conta como encontrou o dispositivo. 

Comentários